terça-feira, 19 de abril de 2011

De visita a uma exposição


Exposição: Sophia, na Biblioteca Nacional

Desta exposição, destaco estas palavras:

"A poesia não é um acto gratuito mas sim um acto vital. Sabemos que um poema é justo quando ele é necessário àquele que o escreve e necessário ao mundo. O peso das sílabas do poema entrará em equlíbrio com o peso das estrelas. Pois a poesia é um acto de criação integrado em todo o processo criador do universo. Não é uma contemplação exterior às coisas mas uma participação no destino do universo." ("Arte Poética III" - inédito) 

Sem comentários:

Enviar um comentário