segunda-feira, 20 de junho de 2011

Dizer Poesia

Esta semana, a Andante Associação Artística apresentou um poema de Luísa Dacosta, no seu desafio poético semanal "Poema escrito por Quem?":

Entardecer





Já não há perfumes de vida na taça do meu sexo.
Se quisesses conhecer, agora, o meu sabor mais íntimo,
terias de beber, com os teus lábios,
a água das minhas lágrimas.



LUÍSA DACOSTA
A maresia e o sargaço dos dias
Ed. Asa

voz - Cristina Paiva

sonoplastia - Fernando Ladeira

(Ver aqui)


A Andante desenvolve uma acção interessantíssima em prol da divulgação da poesia, que pode ser acompanhada através da sua página.

1 comentário: