quinta-feira, 28 de abril de 2011

Esperar

Telefonema

Telefonaram-lhe para casa e perguntaram-lhe se estava em casa.
Foi então que deu pelo facto. Realmente tinha morrido havia já dezassete dias.
Por vezes as perguntas estúpidas são de extrema utilidade.

Mário-Henrique Leiria

Sem comentários:

Enviar um comentário